Untitled

R. Mal. Deodoro, n. 51, Cj. 1805 e 1810, 18º Andar - 

Curitiba - PR, Brasil. CEP: 80.020-320.

41. 3221-1022

41 99801-0011

  • Instagram ícone social

Arisp lança estudo estatístico sobre o mercado imobiliário do Estado de São Paulo

October 1, 2019

 

É a primeira vez que dados concretos sobre o número de transferências imobiliárias registradas nos 317 registros de imóveis do Estado estarão disponíveis. Números passarão a ser divulgados trimestralmente.

 

Na manhã desta segunda-feira (30), a Associação dos Registradores Imobiliários de São Paulo (ARISP) apresentou as Estatísticas Imobiliárias do Estado de São Paulo, com informações sobre dados relativos a transações imobiliárias de todos os 317 cartórios de Imóveis do Estado de São Paulo. A pesquisa traz dados inéditos sobre transações de compra, venda, permuta, distrato, doação, herança e desapropriação. Clique aqui e veja a íntegra do estudo: https://www.registrodeimoveis.org.br/intranet/arquivos/upload/geral/EstadoSaoPaulo_2019S1.pdf

 

O evento de lançamento das Estatísticas Imobiliárias do Estado de São Paulo foi aberto com discurso do presidente da Arisp, Flaviano Galhardo, que ressaltou a mobilização dos registradores de imóveis brasileiros para alavancar a posição do País no ranking Doing Busines, onde hoje ocupa a 109° posição no índice que reúne 190 economias do mundo e avalia o ambiente de negócios desses países.

 

“O lançamento das Estatísticas Imobiliárias do Estado de São Paulo é um passo importante tendo em vista que é a primeira vez que teremos dados concretos sobre o número de transferências imobiliárias registradas nos 317 registros de imóveis do Estado que tem o maior peso na economia do País”, Flaviano Galhardo.

 

Os números relacionados ao financiamento imobiliário de operações de crédito contratados com a garantia da alienação fiduciária, reafirmando a importância e a eficiência dessa modalidade no mercado imobiliário brasileiros, também vão compor as Estatísticas Imobiliárias do Estado de São Paulo.

 

Após o discurso, o deputado estadual Daniel José (Novo-SP) ressaltou a importância da produtividade para o desenvolvimento econômico do País. “Produtividade vai ser a chave para o Brasil se desenvolver”, afirmou Daniel José. O deputado ainda completou que dar transparência sobre dados do setor imobiliário, faz com que o Brasil avance no objetivo de tornar seu ambiente de negócios mais amigável. “Pela primeira vez teremos acesso a dados precisos sobre o tamanho do mercado imobiliário e sua dinâmica”, completou.

 

Patrícia Ferraz, coordenadora do Departamento de Estatística e Desburocratização da Arisp, fez a palestra de apresentação dos Indicadores do Registro Imobiliário do Estado de São Paulo. A registradora do município de Diadema, na Grande São Paulo, destacou que a palavra que define os Indicadores é transparência. “O registro de imóveis quer dar transparência a respeito do mercado imobiliário, dos seus projetos e da forma como lida com esse tema que é tão importante para o Brasil”, afirmou.

 

Segundo Patrícia Ferraz, os Indicadores possuem um “plexo de informações de fontes de dados e de compreensão a respeito de todas as transferências imobiliárias que são realizadas e que não necessariamente estão compreendidas em todos os índices do mercado imobiliário que temos hoje. “Por exemplo, nós registramos não só as transferências imobiliárias que são formalizadas por escrituras públicas, mas também aquelas que são formalizadas por instrumentos particulares com força de escritura pública feitas pelas instituições financeiras. Também os instrumentos particulares que podem ter sido produzidos pelas incorporadoras, pelas loteadoras ou pelo cidadão, além dos títulos judiciais que aportam nos registros e dos títulos administrativos. Isso porque é o registro de imóveis a entidade responsável pela constituição do direito de propriedade e de todos os demais direitos reais. Portanto temos todas as informações que importam para o mercado e setor público”.

 

Na apresentação seguinte, Eduardo Zylberstajn, pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), responsável pela produção dos Indicadores, divulgou os dados do Registro Imobiliário do Estado de São Paulo, que foram elaborados a partir de dados brutos de transferências e operações cadastradas nos 317 cartórios de registro de imóveis associados à Arisp desde janeiro de 2012.

 

Compõe o estudo os registros de operações imobiliárias de adjudicação; arrematação em hasta pública; cessão de direitos; compra e venda; dação em pagamento; desapropriação; dissolução de sociedade; distrato de negócio; doação; doação em adiantamento da legítima; herança, legado ou meação; incorporação e loteamento; integralização subscrição de capital; partilha amigável ou litigiosa; permuta; procuração em causa própria; promessa de cessão de direitos promessa de compra e venda; retorno de capital próprio; entre outros tipos de registros.

 

O evento ainda contou com o discurso de apoio do deputado federal Vinicius Poit (Novo-SP) e dois painéis mediados pela jornalista da Globo News, Juliana Rosa, com participação de Luis Antonio França, presidente da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), Celso Petrucci, economista-chefe do Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP), Felipe Pontual, diretor executivo da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) e Luciana Yeung, doutora em Economia pela EESP-FGV e pesquisadora na área de Análise Econômica do Direito do Insper.

 

Clique para acessar as Estatísticas Imobiliárias do Estado de São Paulo na íntegra: https://www.registrodeimoveis.org.br/intranet/arquivos/upload/geral/EstadoSaoPaulo_2019S1.pdf

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa Anoreg/SP

Please reload

Recent Posts

Please reload

Archive